5 de jan de 2008

Fogão de lenha!



Eu sei, é totalmente retrógrado, não é nem um pouco ecológico, e imagino que seja até nocivo a saúde. Mas só quem já comeu arroz e feijão feito num desses é que pode tecer uma crítica concisa. Agora, quem comeu um frango caipira, acaba se desfazendo em elogios e simplesmente não consegue tecer nenhuma crítica.
Não sei o que isso atrai tanto as pessoas. Alguns dizem que trata-se do sabor, outros o fato de poderem por algumas horas voltar ao passado(que na maioria das vezes não viveram).
Mas acho que no fundo trata-se do encanto de todo o ritual. Pegar madeira e mante-la seca, fazer o fogão com barro, limpar as cinzas, acender o fogo nas brasas do ritual anterior assoprando e assoprando... além do encanto que o fogo exerce sobre nós, estimulando uma enorme introspecção, tão profunda e tão boa que poderia dizer que se torna purificante para nossos pensamentos.
Acho que alquimia seria a palavra certa. Todo o ritual, todas as experiências realizadas (comidas), darão ao dono e usuário de um desses o título de alquimista.
Bem, falei demais! Mas é apaixonante poder conhecer um desses.

Album Fogão de lenha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Parafraseando do ditado "quem conta um conto aumenta um ponto", aqui "quem comenta um post, aumenta um ponto"!